Feriado do Corpo de Deus celebrado nas Caldas por centenas de cristãos

 

13 de junho de 2012

Procissão pelas ruas da cidade
Procissão pelas ruas da cidade

Mais de 500 cristãos viveram a Solenidade do Santíssimo Corpo e Sangue de Cristo, popularmente conhecida como Corpo de Deus, pela última vez enquanto feriado, nas Caldas da Rainha a 7 de junho.

 

As celebrações do Corpo de Deus iniciaram-se com a eucaristia solene na Igreja Nossa Senhora da Conceição, presidida pelos padres Joaquim Duarte e Luís Pedro, seguida de procissão pelas ruas da cidade e concluída com a Bênção do Santíssimo Sacramento no adro da Igreja. A população respondeu positivamente à organização e engalanou as suas varandas com colchas e flores, onde acompanharam em atitude de louvor à passagem do Santíssimo Sacramento.

 

Na homilia da celebração eucarística, o padre Joaquim caraterizou o acontecimento como "um dia muito especial que resume o mistério de Cristo". "Não é apenas só a festa do milagre do pão transformado no corpo do Senhor, mas é o mistério e a presença da Sua entrega por nós para a salvação de todos", explicou o pároco caldense sobre a importância e o verdadeiro significado da Solenidade do Santíssimo Corpo e Sangue de Cristo. 

 

A celebração deste acontecimento, "não é uma lembrança, é a realidade que Jesus faz connosco sacramentalmente desta sua entrega: este pão e este vinho são a presença do Senhor", salientou o presbítero. "Ele convida-nos a ser radicalmente convertidos a estes gestos divinos, para nos alimentarmos de uma vida nova, que é verdadeiramente o Senhor connosco no mais íntimo de nós", reforçou o cónego Joaquim Duarte.

 

A Solenidade do Santíssimo Corpo e Sangue de Cristo é "o gesto máximo do culto de Deus", celebrado nos diversos cantos do Mundo, manifestando "viver a comunhão que Eler faz connosco e gerar comunhão que também simboliza a Igreja, ela é a comum união de Deus com os homens", e congrega "garantia e alegria da fidelidade do Senhor para sempre", concluiu o sacerdote.

 

O Corpo de Deus era aré esta quinta-feira um feriado nacional móvel, que se celebrava na segunda quinta-feira a seguir ao Domingo de Pentecostes, ou seja, 60 dias após a Páscoa.

 

Por determinação do Governo e acordo com a Igreja Católica, o feriado deixa de existir a partir do próximo ano, pelo menos até 2017. A festa religiosa do Corpo de Deus passa a ser celebrada no domingo seguinte, à semelhança do que já acontece em muitos países da Europa.

 

O JORNAL das CALDAS falou com o padre Luís Pedro, vigário paroquial de Caldas da Rainha, o qual fez um balanço "extramamente positivo" devido à participação numerosa da população, "por esta fé que nos vai movendo e pela devoção muito grande na Eucaristia".

 

O sacerdote considerou que a procissão deste ano foi "menos visível", devido às obras que estão a decorrer na Rua Sebastião de Lima, acabando por desviar os cristãos para as ruas adjacentes de menor dimensão. No entanto, o padre Luís Pedro caraterizou a procissão como "a mais bem conseguida no que toca à organização", desde que está ao serviço da paróquia de Caldas.

 

Para o próximo ano, com a perda do feriado religioso, o presbítero prevê uma diminuição dos fiéis nas celebrações.

 

No 26 de junho, a missa das 19.00 horas, na Igreja Matriz de Nossa Senhora da Conceição de Caldas da Rainha, será celebrada em memória de S. Josemaría, fundador do Opus Dei.

 

 

João Polónia/Jornal das Caldas

 

(Jornal das Caldas nº 1050 de 13 de junho de 2012)

 

destaque da semanha no portal on-line do Jornal das Caldas em
http://www.jornaldascaldas.com/Feriado_do_Corpo_de_Deus_

celebrado_nas_Caldas_por_centenas_de_cristaos

 

Free counter and web stats

 

Comente esta notícia:

Comments: 3
  • #3

    Ana Lucas (Wednesday, 20 June 2012 17:00)

    Mas q coisa. Então eles não perceberam q aquilo ia aparecer do nada?!?!? É que nem é preciso ter conhecimentos de religião, basta ler para perceber que uma coisa não joga com a outra...

  • #2

    João Polónia (Wednesday, 20 June 2012 16:58)

    É simples... a redação do Jornal das Caldas decidiu introduzir o aviso na notícia, em vez numa caixa de texto em separado como sugeri.

  • #1

    Ana Lucas (Wednesday, 20 June 2012 16:55)

    Eu gostei da noticia, só não percebi o ultimo paragrafo. Qual era o seu enquadramento. Toda a noticia fala do Corpo de Deus, do seu significado, da celebração e do nada lê-se que vai haver missa pelo Santo Josemaria Escrivá, fundador da Opus Dei?! Qual é o elo de ligação que eu não entendi?!