Caldas dinamiza Cursilho de Cristandade de Senhoras

9 de Maio de 2012

Eucaristia
Eucaristia

O Movimento dos Cursilhos de Cristandade de Caldas da Rainha, que abrange os diversos concelhos da região Oeste, realizou o 440º Cursilho de Senhoras da Diocese de Lisboa entre os dias 18 e 21 de abril em Fátima, em que pela primeira vez participaram duas dezenas de cursilhistas.

 

A clausura de encerramento do cursilho juntou centenas de elementos do movimento no auditório do Centro Paroquial de Caldas da Rainha, num ambiente de saudável alegria que vibraram com os testemunhos dos novos membros.

 

A celebração eucarística foi presidida pelo padre Rui Gregório, e contou com a colaboração do diácono Raúl Penha de Óbidos, na Igreja Nossa Senhora da Conceição nas Caldas da Rainha.

 

O padre Rui Gregório, na sua homilia, explicou a importância do cursilho. “Este encontro com Cristo Ressuscitado surge para que haja frutos e sinais”, disse. Não acontece por acaso, “é também a comunidade cristã, que ali se encontra com as suas dúvidas, hesitações e medos, mas não totalmente fechado à ação de Deus e do Espírito Santo”, salientou o diretor espiritual.

 

“É importante termos os nossos espaços para nos reunir de forma confortável, podemos celebrar, partilhar a fé e alegrar em conjunto, mas o essencial do Evangelho não está dependente das paredes”, desafiou o padre Rui, afirmando que “a grande riqueza” que embeleza a Igreja consiste na “descoberta que Cristo está Vivo e que continua a fazer caminho connosco”.

 

O presbítero utilizou a expressão de S. Francisco de Assis “Evangelizem e falem de Deus, quando for preciso usem palavras”, para lançar o apelo aos cursilhistas. “Procuremos que seja este mesmo Deus que vamos encontrando, este Senhor que está presente”, mesmo que no dia a dia “tenhamos mais dificuldade em reconhece-Lo, se nos deixarmos encontrar por Ele e estivermos atentos para o escutar, então que não percamos essa certeza”, manifestou o padre Rui Gregório com a convicção de que a caminhada conjunta contribui para dar “testemunho da nossa existência cristã, porque o Senhor não desiste e chama-nos a segui-Lo”.

 

O JORNAL das CALDAS falou com Eduarda Marques, presidente do Cursilho de Cristandade de Senhoras na região Oeste, a qual fez o balanço positivo do encontro, sublinhando que “o curso 440 foi uma graça que Deus concede a quem O procura de coração aberto”.

 

Para a responsável, os três momentos fortes que marcam o cursilho são o encontro interior, “o encontro com Cristo e com aqueles que estão mais próximos”, com o objetivo de levar Cristo a todos os ambientes. O cursilho influencia profundamente aqueles que o vivem. O amor e o respeito pelos irmãos obrigam à reflexão, a fim de que o encontro produza os seus frutos e marque para toda a vida aqueles que por ele passaram.

 

“As valentes do 440 vieram cheias de vontade de transformar os ambientes, levando Cristo, manifestando o seu Amor”, revelou Eduarda Marques.

 

 

João Polónia/Jornal das Caldas

 

http://www.jornaldascaldas.com/index.php/2012/05/09/caldas-dinamiza-cursilho-de-cristandade-de-senhoras/

 

Free counter and web stats

Comente esta notícia:

Comments: 0